Ladeiras
CNS: 32149
Tipo: Vicus
Distrito/Concelho/Freguesia: Beja/Cuba/Faro do Alentejo
Período: Romano e Idade Média
Descrição: Extenso cabeço aplanado e alongado, com a cota 198m destacando-se no seio da paisagem envolvente. O sítio desenvolve-se em várias plataformas e núcleos, materializados no terreno por concentrações de blocos pétreos. Os materiais recolhidos apontam para uma ocupação do cabeço em dois momentos distintos: um primeiro de época romana e o segundo do período medieval (possível alcaria). À superfície do terreno são visíveis alinhamentos de estruturas que configuram espaços rectangulares e compartimentos. O 1º núcleo identificado é constituído por uma serie de alinhamentos de muros que configuram quatro compartimentos rectangulares adossados. O segundo núcleo no topo do cabeço (onde existe o geodésico das ladeiras) é constituído por uma série de alinhamentos de muros cujos topos afloram à superfície, rodeados por taludes artificiais e montículos de pedra. Os materiais associados a este segundo núcleo são exclusivamente de época romana, enquanto que no primeiro, misturam-se materiais romanos e medievais (séculos XIV-XV). Por toda a área verifica-se uma grande dispersão de material, associada a pequenos altos artificiais no terreno e cortes no afloramento rochoso que indiciam a existência de mais núcleos.
Meio: Terrestre
Acesso: -
Espólio: -
Depositários: -
Classificação: -
Conservação: -
Processos: 2008/1(152)
Trabalhos (0)
Bibliografia (0)

Fotografias (0)