Castro de Santa Maria Madalena
CNS: 11456
Tipo: Povoado Fortificado
Distrito/Concelho/Freguesia: Castelo Branco/Sertã/Cernache do Bonjardim, Nesperal e Palhais
Período: Idade do Bronze - Final, Idade do Ferro - 1º, Idade do Ferro - 2º e Romano
Descrição: Situa-se no topo de um cabeço quartzítico bem destacado, dominando toda a zona planáltica de Cernache do Bonjardim. Possui, pelo menos, uma linha de muralha defensiva (sobre a qual não é possível ainda atribuir datação). São visíveis no topo Sul estruturas de planta rectangular, parcialmente destruídas pela abertura de uma estrada de terra batida que circunda todo o monte. Foi intervencionada uma área que perfaz os 14m², onde foi possível identificar, na zona Norte, uma estrutura de perfil elíptico datada do Bronze Final. Pelos materiais encontrados, foi ocupado desde o Bronze Final/ 1ª Idade do Ferro, passando pela 2º Idade do Ferro (cerâmica torneada) e possivelmente durante a época romana ou com influência destes (tijoleiras, imbrices). Foram detectadas diversas estruturas habitacionais, algumas das quais aproveitam os afloramentos rochosos. Encontra-se em curso uma proposta de classificação do sítio.
Meio: Terrestre
Acesso: Na estrada Sertã-Ferreira do Zêzere, depois de Cernache do Bonjardim, corta-se à direita onde se indica Miradouro e passado 1Km corta-se à esquerda, subindo para a capela.
Espólio: Regista-se a presença de cerâmica manual e ao torno (de perfil em S). A cerâmica decorada é exclusiva dos recipientes de fabrico manual e resume-se a dois bordos com decoração feita por pressão, dois bojos com decoração penteada e um com sulco transversal. Para além destes, foi recolhido um peso de rede em anfibolite, um furador em bronze e vários líticos. Existe ainda o relato de aparecimento de jóias em ouro e moedas aquando a construção da capela existente no topo do povoado.
Depositários: Carlos António Moutoso Batata
Classificação: -
Conservação: Regular
Processos: S - 11456
Trabalhos (2)
Bibliografia (3)

Fotografias (0)