Povoado da Serra do Socorro
CNS: 986
Tipo: Povoado Fortificado
Distrito/Concelho/Freguesia: Lisboa/Torres Vedras/Dois Portos e Runa
Período: Idade do Ferro, Romano e Medieval Cristão
Descrição: Implantação ovalóide em altura (cerca de 300m de eixo maior e cerca de 100m de eixo menor), delimitado por um área amuralhado constituído por blocos de basalto, com um cronologia do Bronze Final-Idade do Ferro. É rasgado por 2 aberturas principais, uma delas com bom lajeamento de acesso e é completada pela excelente defesa natural que as íngremes ladeiras do cabeço oferecem. A sua identificação remonta a 1946 quando Jalhay cita o sítio no âmbito de uma contextualização da Idade do "Bronze" associada ao Zambujal. No centro do povoado existe ainda uma ermida, provavelmente de origem medieval, gótico-manuelina, com remodelações do séc. XVI, XVIII e recentemente restaurada. Nesta capela ocorrem importantes romarias anuais relacionadas com as práticas agro-pastoris. No séc. XIX esta serra foi utilizada como Semáforo principal do sistema de comunicações das Linhas de Torres, no âmbito da 3ª Invasão Napoleónica.
Meio: Terrestre
Acesso: Estrada que conduz à parte superior da Serra do Socorro.
Espólio: Entre os materiais recolhidos regista-se uma conta de colar de pasta vítrea e vários fragmentos de cerâmica integráveis na Idade do Ferro.
Depositários: -
Classificação: ZEP - Zona Especial de Protecção
Conservação: Bom
Processos: S - 00986, 2002/1(123) e 2007/1(408)
Trabalhos (1)
Bibliografia (9)

Fotografias (0)