Quinta do Almaraz
CNS: 6579
Tipo: Povoado Fortificado
Distrito/Concelho/Freguesia: Setúbal/Almada/Almada, Cova da Piedade, Pragal e Cacilhas
Período: Calcolítico, Idade do Bronze, Idade do Ferro e Romano
Descrição: Povoado com boas condições naturais de defesa e excelente visibilidade sobre o rio Tejo. Está implantado numa falésia que foi cortada nos anos 50 para instalação de uma fábrica de óleo de peixe, responsável pela destruição de parte da estação. Detectaram-se três zonas distintas de ocupação: a primeira zona na plataforma mais alta, corresponde ao povoado Calcolítico e Idade do Bronze, a segunda e mais extensa corresponde à ocupação da 1ª idade do Ferro, a terceira zona mais a oeste, corresponde à ocupação da 2ª Idade do Ferro. O povoado da 1ª Idade do Ferro estava rodeado por duas linhas de muralhas, possuindo um fosso abaixo da 1ª linha.
Meio: Terrestre
Acesso: Situa-se num esporão sobranceiro ao rio Tejo, acessível pela sua vertente Oeste, com confina com a suave elevação do Castelo de Almada.
Espólio: Cerâmica em bandas e de verniz vermelho, fragmentos de ânforas púnicas e cerâmica cinzenta. Urnas, cossoiros, anzóis, etc.
Depositários: Museu Municipal de Almada
Classificação: Em Vias de Classificação (Homologado como IIP - Imóvel de Interesse Público)
Conservação: -
Processos: S - 06579, 7.2.2/27-3(1) e 98/1(695)
Trabalhos (7)
Bibliografia (4)

Fotografias (9)
Vista aerea da Quinta do Almaraz, sendo visiveis os taludes da 1ª e 2ª linha de muralhas Vista da 1ª linha de muralhas Sepultura de cão Troço do fosso Fragmento de pithos com pintura de bandas Fragmento de pithos com pintura de bandas Taça carenada de verniz vermelho Prato de verniz vermelho Taça carenada de cerâmica cinzenta